14/02/2022 às 18h56min - Atualizada em 14/02/2022 às 22h20min

F2 e Pentagna se unem para construir o maior empreendimento residencial modular da América Latina

As empresas mineiras com expertise em empreendimentos de luxo estão construindo o Alma Maraú, no litoral baiano, em um terreno com cerca de 40 mil m²

SALA DA NOTÍCIA Renata Castro
 

Na praia do Cassange, no litoral da Bahia, a F2 Incorporadora e Construtora e a Pentagna Incorporadora se uniram para construir o maior condomínio feito com steal frame da América Latina: o Residencial Alma Maraú. “A inovação faz parte da essência da F2 e sempre a trazemos para os nossos projetos. O Alma Maraú é um empreendimento inovador por vários fatores, desde os serviços inspirados na hotelaria, passando pela organização e construção do condomínio, até a escolha pela estrutura modular. Nossas unidades possuem uma arquitetura elegante e sofisticada, que surpreende as pessoas quando descobrem que é modular”, conta François Rahme, CEO da F2 e idealizador do Alma Maraú.

O Residencial Alma Maraú é um condomínio de alto padrão que está sendo construído em um terreno com cerca de 40 mil m², sendo 370 metros de frente para o mar, em uma das mais belas e paradisíacas praias do Brasil, região rica em biodiversidade. E é para preservar ainda mais a beleza natural da região, que a F2 optou pela construção modular.

As unidades modulares são construídas e montadas em Mirassol, interior do Estado de São Paulo. E, após ficarem prontas, são enviadas em carreta para o destino final. O trajeto de quase 2 mil km dura cerca de 4 dias e é feito com muita cautela para manter a integridade física das casas e apartamentos. As unidades chegam finalizadas em Maraú, prontas para instalação, com todas as louças, porcelanatos e metais. "Os módulos são transportados até o terreno e montados como "lego", preservando assim o meio ambiente com o mínimo de impacto possível", explica François.

Outras medidas especiais foram adotadas para manter a vegetação nativa e a preservação da fauna local. Para manter a flora, está sendo realizado o manejo das espécies, que são retiradas do ambiente durante a construção, mantidas em um viveiro e, na etapa de plantio, são levadas novamente para o local e replantadas. Isso permite que não haja impactos diretamente ou indiretamente nas plantas já existentes no local. Já no caso dos animais, há uma parceria com a iniciativa “Coração de Tartaruga”. Ao lado do Alma Maraú, há uma área em que as tartarugas depositam os seus ovos e transitam por aquele local. Por isso, toda a iluminação do espaço foi pensada para que não seja prejudicial às tartarugas — que não podem ser expostas diretamente à luz.

O condomínio contará com o conceito da cozinha 4.0, e será possível desfrutar no restaurante ou fazer pedido na residência. Além disso, possui um lounge super moderno e sofisticado, serviço de spa, duas piscinas, dois bares e quadra de tênis, sendo que todas as opções de lazer ficam à beira-mar. Com serviços inspirados na hotelaria, terá a opção da modalidade pay per use, além de contar com uma empresa especializada em operação de condomínios, que fará o gerenciamento dos aluguéis dos proprietários e recepção dos residentes. Ao todo, são 46 unidades, entre casas e apartamentos, com 2, 3, 4 e 6 suítes. A previsão de entrega final do empreendimento é dezembro de 2022.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »