16/02/2022 às 12h21min - Atualizada em 16/02/2022 às 19h22min

5 dicas para a recuperação de desastres do data center

Especialista da ODATA elenca as principais recomendações para elaborar seu plano de recuperação de desastres na hora de proteger seu data center

SALA DA NOTÍCIA Priscila Dezidério
https://odatacolocation.com/
As ameaças à operação de um data center podem ocorrer de diversas formas e formatos. Podem variar de pequenos incidentes, como interrupções de curto prazo no fornecimento de energia ou a modificação não intencional de dados, até mesmo a desastres graves como ataques cibernéticos, destruição de equipamentos ou incêndio. “Para minimizar os danos, as empresas precisam de uma política de recuperação de desastres eficaz. A ideia é preparar os recursos necessários antes que um desastre real aconteça”, explica Eliel Andrade, Gerente de Produtos da ODATA, provedora brasileira de data centers.
De modo geral, muitas empresas geralmente gastam uma parte de seu orçamento em plano de disaster recovery a fim de evitar perdas na receita, já que esse tipo de desastre pode gerar a incapacidade de conduzir operações após determinado incidente crítico. O propósito é saber o que fazer quando a crise se instala, como por exemplo, diminuir o tempo de inatividade e encontrar meios alternativos de operação, como a redundância do data center, com antecedência. Por isso, a ODATA elencou 5 dicas para a recuperação de desastres do data center.
  1. Faça um inventário
A primeira ação é mapear quais hardwares, softwares e dados específicos são extremamente importantes para a operação. É fundamental saber quais os processos são necessários para que tais serviços cheguem ao consumidor final. Comece com salas de servidores e centros de dados e avance para terminais, como estações de trabalho e dispositivos periféricos. Depois disso, vá para aplicações e softwares de trabalho. Preste atenção especial ao software do servidor, hipervisores e configurações necessárias para reiniciá-lo, caso ocorra algum incidente.
  1. Crie um backup completo
O ideal é investir em serviços de proteção de dados como parte integrante do plano de recuperação de desastres do data center, geralmente usando um serviço de backup, redundância e restauração para proteger dados essenciais ao negócio. “Após terminar o inventário, faça um backup completo de seus dados. Certifique-se de desenvolver um esquema de rotação de backup adequado, caso você ainda não tenha um”, indica Eliel Andrade.
  1. Contrate um serviço remoto para redundância do Data Center
Para acalmar a parada de todo o negócio caso algum incidente force a interrupção do seu servidor, é essencial contar com uma ‘estrutura espelho’, que funcione como um backup e que possa entrar em operação imediatamente. Para isso, o Colocation se mostra uma excelente opção em operações que necessitam redundância. Esse serviço nada mais é do que a locação de um espaço físico em um data center já existente para a execução de serviços de TI, que estabelece o espelhamento do seu data center prioritário.
  1. Calcule os custos do tempo de inatividade
Cada hora de inatividade resulta em perdas de produtividade e receita, além do potencial dano à reputação da sua empresa. Se você calcular corretamente o custo de uma falha potencial, isso pode ajudá-lo a decidir sobre o valor do investimento em medidas preventivas.
  1. Promova atualizações regularmente
Sua política de recuperação de desastres deve permanecer um documento vivo: atualize-o sempre que houver mudanças no pessoal ou na infraestrutura de sua empresa. Além disso, certifique-se de realizar testes regulares para ver se sua abordagem é eficaz em diferentes circunstâncias.
Os provedores de serviços de data center desempenham uma função-chave em todos os serviços online. A aceleração da transformação digital mostrou isso durante a pandemia de Covid-19. Portanto, é preciso estar atento a todas as demandas a partir do uso de um data center. “Esperamos ver um forte crescimento contínuo, à medida que as empresas testemunham as vantagens, benefícios e a tranquilidade que vêm com a parceria firmada com um provedor especializado em soluções de data center”, finaliza o especialista.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »