22/02/2022 às 13h27min - Atualizada em 22/02/2022 às 17h21min

Bankme anuncia contratação de nova CFO

Simoni Bianchi chega para somar ao time e contribuir para o crescimento e eficiência da área financeira da empresa

SALA DA NOTÍCIA Redação
Com mais de 30 anos de experiência no departamento financeiro, Simoni Bianchi é a nova CFO (Chief Financial Officer) da Bankme, fintech que cria e opera Mini Bancos. A executiva chega com o objetivo de deixar a fintech e seus mini bancos ainda mais alinhados com as melhores práticas do mercado financeiro.

Membro fundadora da W-CFO Brazil, grupo de integração de executivas voltada à área de  finanças, Simoni conta com um vasto histórico profissional, uma vez que foi CFO da A.Yoshii Engenharia, entre 1990 e 2021, e, ainda, tem passagem pelo cargo de presidente do Instituto A.Yoshii (entre 2018 e 2021). A executiva é graduada em Administração com MBA em Finanças pela FGV e PDDA pela Fundação Dom Cabral. 

”Sendo a primeira fintech do Brasil que cria e opera Mini Bancos para as empresas, meu grande desafio será intensificar as operações, entender as necessidades dos departamentos, manter a organização e gestão do negócio, além de acompanhar o mercado e pensar em soluções ágeis que contribuam para o crescimento e eficiência da fintech”, diz a nova CFO.

Desde que chegaram ao mercado, a Bankme tem se posicionado como  uma nova solução de crédito para o ecossistema empresarial, oferecendo às médias empresas o mesmo nível de eficiência e sofisticação de gestão, se comparada aos maiores players do Brasil. Por meio da Fintech, os empresários criam um braço financeiro muito semelhante ao FIDC FORNECEDOR e FIDC TESOURARIA só que a um custo muito mais acessível.  Assim, dão acesso para que as médias e grandes empresas possam potencializar seu crescimento e eficiência financeira, ao mesmo tempo que fomentam suas cadeias produtivas e alavancam seu caixa.

Sobre a Bankme

Bankme é a primeira fintech do Brasil que cria e opera Mini Banco para as empresas. A fintech, que conta com a presença de Thiago Eik, CEO, e André Bravo, COO, tem como objetivo a criação de Mini Bancos, voltados aos segmentos de indústria, franquias, supermercados, construção, entre outros. O objetivo é que, da mesma forma que empresários criaram suas holdings para gerenciar patrimônio, agora esses executivos podem ter um Mini Banco para movimentação de seu capital, promovendo o alongamento do seu fluxo de caixa, tornando sua empresa ainda mais saudável e lucrativa, além de criar nova fonte de receita e fortalecer seus fornecedores e parceiros de negócio. A Bankme permite que grandes e médias empresas possam atuar da mesma forma que as maiores empresas do país já atuam ao criarem seus bancos.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »