21/03/2022 às 13h37min - Atualizada em 22/03/2022 às 15h01min

Priscila Freitas: conheça a gestora de carreira de Rodrigo Teaser

Atriz, produtora e empresária, Priscila gerencia um dos maiores intérpretes de Michael Jackson no mundo

SALA DA NOTÍCIA Redação.
(Arquivo pessoal)

No mês das mulheres, é fundamental destacar ícones fortes e que se destacam em suas respectivas áreas profissionais. Desde pequena, Priscila Freitas cresceu no mundo da arte. Com o pai músico e a mãe produtora de eventos, a baiana, natural de Salvador, escolheu o mundo artístico de forma muito natural. Começou a trabalhar na agência de sua mãe e lá aprendeu fundamentos básicos sobre negociar e administrar eventos. 

A atriz, de 42 anos, é casada com Rodrigo Teaser há 11 anos e, no momento em que a mídia anunciou o falecimento do cantor Michael Jackson, resolveram criar um show em tributo ao artista. Os dois planejaram e almejaram uma apresentação diferente de tudo que já havia sido feito nesse ramo. “Nós queríamos uma estrutura diferenciada, com banda, bailarinos e painel de LED. Levamos dois anos para idealizar e após isso começou a fluir naturalmente”, diz Priscila. A gestora conta que foi difícil conseguir pessoas confiáveis para ajudar na administração e que lutaram muito para achar parceiros dedicados ao projeto. 
Mesmo com a experiência na agência de sua mãe, Priscila aprendeu a gerir carreira já no cargo. “Eu aprendi vendo os erros de outros produtores que cuidaram do nosso show”, comenta. Hoje ela é responsável por cuidar da agenda, logística, produção e publicidades do artista.

Priscila relata que no início de sua carreira como gestora não sabia que a maioria das dificuldades que enfrentaria seria por ser mulher. “Muitas pessoas falavam que se eu fosse um produtor homem eu não seria enrolada. Mas eu sempre tentava acreditar que não era esse motivo”, confessa.

“Acho que a mulher tem que estar em todos os cenários e tem que ser respeitada de igual para igual”, destaca. A baiana explica que nesse ramo o homem é predominante e que raramente esbarra com alguma funcionária mulher nos bastidores. Assim, ela afirma que para as mulheres entrarem nesse, e em qualquer ramo, é necessário ter muita força de vontade e estar disposta a passar por obstáculos e superá-los. “Já levei muito ‘não’, mas foi um estímulo para seguir em frente”.

Para o futuro, a gestora tem como objetivo empresariar a carreira de outros artistas. “Tenho a intenção de fazer tributos tão grandiosos quanto o do Teaser. Estamos amadurecendo essa ideia para conseguir colocar em prática”. A produtora ainda compartilha que deseja ter uma equipe, preferencialmente só de mulheres, e crescer no universo do showbusiness. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »