23/03/2022 às 11h22min - Atualizada em 23/03/2022 às 11h26min

​50 presos do CPP de Rio Preto não retornam da ‘saidinha’ temporária

Durante apresentação no CPP, três detentos, de 22, 25 e 33 anos, foram autuados em flagrante por porte ilegal de drogas, quando tentaram passar pela revista, com porções de crack, cocaína e maconha, escondidos debaixo das palmilhas dos tênis.

Harley Pacola
Divulgação
A última saída temporária resultou na fuga de 50 detentos do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) Dr. Javert de Andrade, em Rio Preto. Todos os 1.637 reeducandos tinham de retornar às celas até 16h de segunda-feira, 21. Três presos foram autuados por tentar entrar na unidade prisional com porções de crack, maconha e cocaína escondidas nos tênis.

Inicialmente, a Vara de Execuções Criminais (VEC) de Rio Preto concedeu o direito da saída temporária para 1,7 mil detentos, mas foram 1.637 que cruzaram os portões do CPP, porque 63 preferiram ficar nas celas durante os dias autorizados de liberdade.Durante apresentação no CPP, três detentos, de 22, 25 e 33 anos, foram autuados em flagrante por porte ilegal de drogas, quando tentaram passar pela revista, com porcões de crack, cocaína e maconha, escondidos debaixo das palmilhas dos tênis.

Em um dos casos, as porções de maconha estavam enroladas como cigarros artesanais, deixadas dentro de dois maços de cigarros.
A relação com os nomes de todos detentos que não retornaram na saída temporária será enviada nos próximos dias para Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, para que sejam incluído na relação das pessoas procuradas pela Justiça.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »