22/06/2022 às 17h21min - Atualizada em 23/06/2022 às 06h24min

Em novo EP, Gabreoh explora uma vida caótica e bem humorada

Cantor traz um lado afetivo e explora sonoridades em novo trabalho

SALA DA NOTÍCIA Juliana Marques
OrBe Comunicação
Ricardo Schimidt
 

O bom humor do carioca é conhecido por todos. E é nessa característica que o cantor e compositor Gabreoh traz fortemente em seu novo EP, “Lapsos Temporais”. Seu novo trabalho surgiu em meio a pandemia e, talvez por isso, traz na raiz a vontade de criar e explorar o máximo que pode, misturando ideias complexas e simples, com o intuito de fazer músicas divertidas. O compacto antecipa o álbum com uma vibe surrealista, que resultará no disco de estreia, “Não tem Vaga”, ainda sem previsão de lançamento.

 

“Na questão estética e visual minhas referências vêm de vários lugares e é uma mistura, mas ela se baseia muito em obras de comédia (filmes, séries, quadrinhos, animações), coisas cartunescas, surrealismo. Tudo isso misturado com a estética do cotidiano brasileiro. Sempre fazendo observação do absurdo e puxando pro humor situações do nosso dia a dia.”, conta Gabreoh. 

 

A carreira musical de Gabreoh é pensada como um espaço para que o artista possa falar sobre o que lhe interessa de maneira bem humorada, sem deixar de trazer reflexões.

 

“É um projeto muito novo, então a primeira etapa ainda é agora. Foi um processo muito grande e difícil, produzir essas músicas e criar essa história, mas ele tem andado cada vez mais rápido e tomando forma cada vez melhor. É onde eu posso mostrar e falar mais sobre mim e as coisas que eu sinto de uma maneira divertida e reflexiva”, explica Gabreoh.

 

Com grandes referências, o EP ganha forma através da essência pop. Intérpretes como Duda Beat, Marina Sena, David Bowie e Madonna ajudaram na composição da harmonia. Para a estética, o visual conta com uma mistura de obras humorísticas, cartoons e surrealismo. Juntos, esse processo criativo traz uma produção espontânea e divertida. 

 

Conheça Gabreoh

 

Gabreoh é um artista e compositor de Praça Seca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro (RJ). Uma de suas características marcantes, é o uso da liberdade para explorar vários temas em suas canções. Antes de iniciar carreira solo, Gabreoh foi vocalista da banda Armas de Fogo Causam Pânico que teve fim durante a pandemia. Após esse período, ele buscou se dedicar a desenvolver trabalhos que trouxessem um conceito mais profundo, inspirado por artistas como Bowie e Prince que uniam moda, design e audiovisual em seu trabalho musical.

 

Ficha técnica

 

O EP “Lapsos Temporais” foi idealizado e gravado por Gabreoh. Já a mixagem e masterização são de Cayo Fesí. Para a produção audiovisual, o trabalho contou com a colaboração de Lukas Hoekstra (direção e edição), Beatriz Araújo (direção de arte e produção) e Gabriel Lettieri (produção e direção de fotografia). A equipe também teve contribuição de Samuel Alves (operador de câmera e de áudio), Matheus Magre (assistência de produção e figurante), Fernanda Guedes (design e set design) e Juliana Helena (assistência de arte, produção criativa e figurante). Para completar o time, trouxe Guilherme Gurjão (operador de áudio e figurante),  Ricardo Schmidt (operação de câmera e fotógrafo), incluindo, Ligia Bié, Ariel, Hugo Hamilton e Beatriz Ribeiros (atores) além de João Messias Matos e Maria Paula Araujo Alves (figurantes) e Coral Delgado (assistente de produção).

 

Acompanhe Gabreoh

 

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCAHalg6PHw6qPMS--RIW2Gg

Instagram: https://www.instagram.com/gabreooh/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »