03/08/2022 às 17h17min - Atualizada em 04/08/2022 às 00h34min

Rede Conexão Mulher amplia seu alcance pelo mundo e ‘desembarca’ na Alemanha.

SALA DA NOTÍCIA Clarice Tatyer
redeconexaomulher.com
Divulgação


A Rede Conexão Mulher continua cada vez mais longe em sua ‘missão’ de conectar mulheres ao redor do mundo para transformar realidades e realizar sonhos.

Agora, a Alemanha conta com 2 Embaixadoras e autoras Gislaine Banlzano e Suzanne NEUMANN, a Finaceiro da REDE Ana Paula Damoulis; a diretora de comunicação Adriana Ramos de Sousa e a autora da próxima edição Débora Denecke, pretendem fortalecer o empreendedorismo feminino no país. Esta ‘novidade’ vem para confirmar a importância que a Rede Conexão Mulher adquire a cada nova investida.

No intuito de fortalecer a REDE ainda mais na Alemanha, as representantes engajadas na realização do evento que acontecerá em novembro no país.

Vale lembrar que a Rede Conexão Mulher surgiu em 2018, de início, em Lisboa, Portugal, com o objetivo de oferecer apoio às mulheres empreendedoras dos mais diversos setores, perfis e lugares. Fundada pela brasileira Catarina Coelho, desenvolvedora de negócios, hoje a Rede Conexão já realizou eventos em mais de 27 países, entre os quais estão EUA, Brasil e Inglaterra; transformou efetivamente a vida de mais de 23 mil mulheres e criou inúmeras oportunidades de negócios e parcerias.

Como tem sido amplamente difundido desde o começo, as ações da Rede sempre se basearam em três propostas essenciais que são: impactar, transformar e empoderar mulheres ao redor do planeta. E tais propostas têm sido efetivadas com sucesso através de atividades que buscam acolher e oferecer visibilidade por meio de encontros virtuais e presenciais.

A Rede Conexão Mulher também é pródiga em criar produtos e serviços que legitimam marcas femininas lideradas por mulheres dos mais diversos lugares. A Revista Conecta, criada em 2020; os programas de rádio e TV que foram ao ‘ar’ em 2021 e a criação de uma agência de marketing especializada no universo feminino são algumas destas iniciativas.
Isto porque, para Catarina Coelho, a autonomia emocional das mulheres sempre foi e continua sendo essencial para que enfrentem os desafios que o empreendedorismo global impõe.

Pois agora, com a chegada ao país germânico, a Rede Conexão Mulher comprova a amplitude do alcance de suas iniciativas em prol do empreendedorismo feminino e o alcance cada vez maior das ações da rede. Entre mulheres famosas como Gabriela Priori ou Cris Guerra, só para citar duas delas, e centenas de mulheres anônimas, a Rede Conexão Mulher enumera conquistas e segue apoiando o empreendedorismo feminino nos mais diversos e distintos lugares.

Sobre a Rede Conexão Mulher
Fundada em 2018, a Rede Conexão Mulher já realizou, até o momento, mais de 27 eventos ao redor do mundo e impactou a vida de mais de 23 mil mulheres. Para saber mais sobre os projetos desenvolvidos pela Rede acesse a plataforma 

Rede Conexão Mulher

 ou o Instagram @redeconexaomulher/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »