Sindalquim promove seminário gratuito para profissionais de RH

Por

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Fabricação de Álcool, Químicas e Farmacêuticas de Rio Preto e Região, que representa mais de 10 mil trabalhadores, promove no dia 15 deste mês, das 8 às 17 horas, no Hotel Nacional, um grande seminário de direito do trabalho e previdenciário, destinado gratuitamente para profissionais de RH e de Departamento Pessoal. Haverá palestras de dois desembargadores, de um juiz trabalhista e de dois advogados especialistas nos assuntos. Para o presidente do Sindalquim, João Pedro Alves Filho, o objetivo do seminário é a atualização e aperfeiçoamento dos profissionais sobre temas polêmicos e atuais. “Vemos sempre muitos absurdos acontecendo no meio do trabalho e para não ocorrer essas coisas nada melhor que termos conhecimento, informação. Estudar, reciclar, é sempre bom”.

Júlio Cesar Trevisan Rodrigues, juiz titular da 4ª Vara do Trabalho de Rio Preto, será um dos palestrantes. Ele falará sobre “Assédio moral no trabalho. Casos práticos e métodos de diminuição da incidência.”

Luis Henrique Rafael, Desembargador do TRT da 15a Região de Campinas, vai abordar na sua palestra o tema “Novas Formas de contratação previstas na Reforma Trabalhista e as recentes decisões do STF.”

Já o desembargador aposentado, Carlos Augusto Escanfella, também de Campinas, desenvolverá seu bate-papo sobre os sindicatos, com o tema “Contribuições aos Sindicatos por trabalhadores. Uma visão da lei é da jurisprudência atual.”

O advogado da Federação dos Químicos, César Augusto de Mello, também palestrará sobre o meio sindical. Ele fala de “Entidades sindicais: cuidados e precauções num novo contexto negocial e de custeio após as recentes reformas e decisões judiciais”.

E fechando o seminário, Pedro Demarque Filho, advogado, especialista em direito previdenciário, conversa com o público sobre “Estratégias de Maximização de Benefícios Previdenciários para Colaboradores: Um Guia para Departamento Pessoal e RH”.

Por: Assessoria de Imprensa

Foto: Sindalquim